Shooting Star

Originally posted 2018-07-01 10:18:04.

Bad Company - Shooting StarHá canções que nos dizem tudo. Tudo daquilo que fomos, daquilo que somos, daquilo que desejamos, do bem e do mal, enfim, ouvimo-las e lá estamos nós, em sentido próprio ou figurado.
Johnny podia ser qualquer um de nós, ali erecto em plena rua, olhando o céu cinzento de Inverno, retina fixa nas nuvens que anuncíam borrasca ou tempestade mais séria, daquela que os jornais televisivos anunciam com mortos e inundações fenomenais de norte ao sul do país. O país imerso em águas turvas como sempre esteve e ficará “ad eternum”, sem rumo, sem leme, sem timoneiro. Com compadrio e corrupção.
Mas se Johnny podia ser um de nós, então todos podemos, algures, ter os nossos 15 minutos de fama, como professava o Andy Warhol, rapaz dado a comportamentos estranhos, mas de alguma forma um profeta dos nossos dias. Ascensão e queda. Sobretudo queda. Queda do pedestal dos nossos sonhos que nunca se concretizam, pelo que o infrutífero sonhar é apenas um exercício para entreter tolos, que acreditam que um dia, antes da sua morte, prematura ou não, podem alcançar algo que os satisfaça em pleno. Absurdezas do Homem. Se tudo é breve de que vale o investimento? Investir em quê? Nas nossas vidinhas de trazer por casa?
Parem um pouco para pensar e olhem para traz e digam-me com sinceridade qual foi o sonho que concretizaram. Digam-me nos olhos que não se sentem mais um entre a manada, que corre rua acima rua abaixo, como se o mundo acabasse amanhã e tivessem ainda de ir satisfazer compromissos eternamente adiados ou ver aquele filme que gostariam de ter visto ou ouvir aquela musica que em tempos tocava na rádio ou ainda dizer àquela tipa da mesa do fundo que tem o melhor par de mamas da cidade.
Depois olhem para o futuro que é já amanhã e digam-me se não adiaram o sonho mais um dia. E se a esse dia não há-de somar-se outro e mais outro e mais outro e por aí adiante até àquele em que hão-de comparecer perante o Criador, sem nada para contar, excepção feita aos filhos que fizeram sem pensar no seu emprego e na sua felicidade. Quantos tiveram a coragem de Johnny? Muito poucos. Por medo, por cobardia, por acomodação ao remanso da monotonia dos seus dias.
Se assim é, Johnny foi o maior.
Ah pois!

Shooting Star

Johnny was a schoolboy
When he heard his first Beatles song
Love Me Do, I think it was
And from then it didn’t take him long
Got himself a guitar
Used to play every night
Now he’s in a rock ‘n’ roll outfit
And everything’s alright
Don’t you know?

Johnny told his Mama,
“Hey, Mama, I’m goin’ away
Gonna hit the big time
Gonna be a big star someday”
Mama came to the door
With a teardrop in her eye
Johnny said, “Don’t cry, Mama
Smile and wave goodbye”
Don’t you know?

Yeah……

(Chorus)
Don’t you know that you are a shooting star
Don’t you know
Don’t you know
Don’t you know that you are a shooting star
And all the world will love you just as long
As long as you are

Johnny made a record
Went straight up to number one
Suddenly everyone loved
To hear him sing HIS song
Watchin’ the world go by
Surprisin’ it goes so fast
Johnny looked around him and said,
“Well, I made the big-time at last”
Don’t you know?
Don’t you know?

(Chorus)
A shooting star

Don’t you know that You are a shooting star
Don’t you know?
Don’t you know that You are a shooting star
And all the world will love you just as long
as long as you are

Johnny died one night, died in his bed
Bottle of whisky, sleeping tablets by his head
Johnny’s life passed him by like a warm summer day
If you listen to the wind you can still hear him play

(chorus)
Don’t you know that You are a shooting star
Don’t you know?
Don’t you know that you are a shooting star
Dont you dont you dont you dont you dont you know
Don’t you know that you are a shooting star

3 thoughts on “Shooting Star

  1. uma versão enraizada nas partes reais e doloridas que passamos nossos dias… ao rico e ao pobre tudo se sucede… o foco quem da é sempre a gente mesmo… seja lá pro que for… necessidade de saber o que envolve a mandala da mente humana e seus segredos… o corpo recebe o que a mente pede… conciente ou inconciente…vvvizzzzzii…. to viajando!!!

    mas foi bom ler tudo isso… não sei porque…rsss

    bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.