Não há quem aguente!

Originally posted 2014-02-23 19:51:57.

sanitaPerdoem-me os mais polidos e os que se empanturraram de chá enquanto crianças, que sabem francês e ainda por cima tocam piano, mas há dias em que não há cu que aguente!
Das duas uma: ou um indivíduo tem um estômago que derrete, literalmente, tudo em toda a parte ou está tramado, com ph! Há sempre um filho de uma mãe das que dá ou já deu o corpo ao manifesto, seja ele comunista ou nem tanto, que nos enfia pela garganta, funda ou não, um monte de matéria orgânica, por ele ou por terceiros produzida. Bostas enormes! Podiam ser sapos. Mas desses já tenho a minha conta!
Até quando tem um individuo que continuar a apagar as marcas deixadas na areia pelos camelos, e ainda por cima de costas despidas, sem protector solar, para que se queime e fumegue sozinho a um canto, mas só durante o tempo estritamente necessário para que fique apto a novo esturricanço?
Podia contar-vos tudo. Mas, na realidade, não posso.
Parafraseando um músico de um dos grupos que rodam aqui pela hi-fi: “Odeio toda a gente e toda a gente devia morrer!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.