Quod homo post crucifixionem

Diz-se que Jesus Cristo foi crucificado pelos romanos, depois de lhe ser entregue para tanto pelos judeus. Há quem diga que a crucificação era um costume Persa.
De uma forma ou de outra e após mais de 2000 anos, o Homem é irrevogavelmente e de forma cruel e persistente crucificado.
Até quando?

*

It is said that Jesus Christ was crucified by the Romans after him be delivered for that to the Jews. Some say that the crucifixion was a Persian custom.
In one way or another and after over 2000 years, man is irrevocably, cruel and persistently crucified.
Until when?
Quod homo post crucifixionem

Fotografia: Arlindo Pinto
Modelo: Clem Ferreira
Maquilhagem: Abigail Machado


O projeto TAKE MY BODY

Em 2013 estive envolvido num workshop de fotografia subordinado ao tema : “O que farei com esta imagem?”. O projeto inicial passava por desenvolver uma ideia que não teve condições para tanto.
Depois, aquele que foi apresentado e disso aqui demos conta, como o projeto “TheNakedHairyPhotographer” transformou-se n’ o projeto Take My Body, uma visão descomplexada do corpo humano e da relação que temos com o mesmo.
20 das fotografias que compõem o projeto estão já online aqui: http://arlindopinto.com/fine-art/take-my-body/
Se clicarem nesta fotografia também vão lá ter.o projeto TAKE MY BODY

Desde “arrojado” e “belo” a “dialeto incompreensível”, o projeto Take My Body já recebeu alguns epítetos “interessantes”. Uns fundamentados outros nem tanto (e por isso sem validade).
As imagens foram divulgadas em primeira mão pela rede StudioVox de Los Angeles, EUA e posteriormente através do The Portfolio Project, no mês da fotografia em Sofia, Bulgária.
São agora divulgadas aqui.
Tenham um bom 2014.
Um abraço!


Centenário de Álvaro Cunhal

No centenário de Álvaro Cunhal aqui deixo um retrato do dito e de dois outros prováveis lutadores da liberdade, numa espécie de conversa a quatro: eles os três e eu! Não atribuo conotações politicas à fotografia, esta fotografia, por que o que nela me atrai não é a politica, mas antes a estética que lhe subjaz e as relações criadas entre os personagens entre os quais se pode incluir o fotógrafo, o qual Álvaro Cunhal traz descaradamente à conversa. Uma conversa sobre o futuro!

Álvaro Cunhal nasceu em Coimbra, na freguesia da Sé Nova, filho de Avelino Henriques da Costa Cunhal, advogado de profissão, republicano e liberal, e de Mercedes Simões Ferreira Barreirinhas Cunhal, católica fervorosa

No centenário de Álvaro Cunhal


OS LÁBIOS

Os Lábios de volta às lides de palco enquanto gravam o seu novo álbum. A banda apresenta-se a 20 de Julho na Malveira, no âmbito da Semana da Juventude de Cascais. Esta será uma oportunidade única para ouvir alguns dos novos temas em primeira mão. Um espetáculo a não perder! No dia 21 de julho tocam na sua terra natal: Negrais, terra de bom leitão!

Sobre esta fotografia: numa sessão de 90 minutos, esta foi obtida às  23h55m39s. Foi a última!

About this photography: in a 90 minute photoshoot session, this one was achieved at 23h55m39s. It was the last shot!


 

Half a Man On White Lines

 

Half a Man On White Lines. “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo.” (Salmo 23.4). “Even though I walk through the valley of the shadow of death, I will fear no evil: for thou art with me.” (Psalm 23:4).


03Nov

Tsunami

Tsunami

1 de novembro de 2012. Tsunami na praia de Carcavelos. 0 mortos. Incrível! November 1, 2012. Tsunami in Carcavelos beach. No dead people. Incredible!


19Jul

Lust

Luxúria

Lust! A luxúria (do latim luxuriae) é o desejo passional instintivo por todo o prazer sensual e erótico. Também pode ser entendido em seu sentido original: “deixar-se dominar pelas paixões”.
Segundo a Doutrina Católica, é um dos sete pecados capitais e consiste no apego aos prazeres carnais, corrupção de costumes; sexualidade extrema, lascívia e sensualidade.


14Jul

Genesis 2:17

Genesis 2:17

Genesis 2:17: “17 mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dessa não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.” Genesis 2:17: “17 but you must not eat from the tree of the knowledge of good and evil, for when you eat from it you will certainly die.”